sábado, 2 de junho de 2012

Futebol,futebol e futebol 2 ... então e o "resto"?

Ontem os 3 canais deram em directo a saída dos meninos lindos da bola de Óbidos.

Foi muito giro ver os meninos passear de charrete (50/55€ cada uma) e a gozarem com os jornalistas com aquelas respostas do tipo "Foi muito giro!".

Acho que os jogadores preferiam ter umas meninas quase despidas a rebolarem do que crianças aos pulos durante a musica do Lucenzo (digo eu..não sei...se calhar estou errada).

Depois de horas e horas de emissão (a TVI então foi a tarde toda se tivessemos acesso à TVI24) à noite fazem o que??Mais "20 mnt" a falar do mesmo!!!!!

E os jogos ainda não começaram. Estou mesmo a ver hoje milhares de pessoas grudadas à tv a verem um jogo "a feijões".


Vamos ao "resto". Ontem alguns atletas (para)olimpicos foram recebidos pelo Presidente da Republica.
Ouviram alguma coisa?Leram alguma noticia em rodapé? Não? Pois não, mas estes sim deveriam ser homenageados com programas em directo e com despedidas formais quando forem para Londres.
Até porque toda gente sabe que estes sim trazem medalhas para casa.

Gostei (ironia) de ver a cara dos jovens que estavam no R&R quando alguns (poucos) destes atletas foram ao palco cantar uma música com os Expensive Soul. Só deviam de conhecer a Rosa Mota e o Marco Fortes (por causa da história da caminha nos JO de Pequim).

Pessoal do R&R as meninas queriam ver era o "Lenizinho" não aquela gente que não conhecem de lado nenhum. Se ainda fosse o Ronaldo (not!!)

Confesso que não sei os nomes dos atletas para-olimpicos, mas sei os nomes (quase) todos dos outros.

Por isso eu desejo BOA SORTE é aos nossos atletas que vão aos JO. Tenho a certeza que me vão deixar muito orgulhosa de ser portuguesa.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Futebol,futebol e futebol 1

E já começou a histeria em torno da Selecção Nacional!!!!!

É mesmo preciso darem reportagens enormes sobre o que se passa nos balneários?É mesmo preciso dizerem o que é que eles vão comer e beber?

Menos se faz favor...muito menos!!!

Enquanto o povo anda distraido com "futebóis" coisas importantes acontecem. Depois queixem-se que o Governo fez isto e aquilo às escondidas. "Vocês" é que tinham talas e estavam grudados na televisão a ver um jogo de futebol.

Pão e circo diziam os Romanos.

Pão e circo...

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Minha rica língua!!!!

Sim, é certo que ao longo dos tempos as línguas vão evoluindo, a língua modifica-se, etc etc e tais.
Mas, digam pelo amor da Santinha como é que chegámos a isto?!!!!!!!
Primeiro começou a eskrever-se axim pk usar k e abreviaturas é fixe. De seguida alguma mente muito brilhante colocou um x em todas as palavras. Ficando algo assim: "Estx geladx sabx muitx bex".(O que é isto???? )
Segue-se a geração moranguitos, desta nem vou falar... é que nem vale a pena. "Eu curto bué do António." (????)
E agora com as redes sociais ainda é pior. É cada pontapé na língua portuguesa que o Fernando Pessoa e o Camões devem puxar os cabelos lá no céu.
Eu não sou professora de português mas meus queridos amigos:
- ouvir não leva "h"
- horas é que leva!!!!!!
- Há 5 pães na mesa. O "à" leva "h" porque é do verbo haver.
Sim?Entendido?Obrigada e peço desculpa pelo desafabo mas estou farta de ver a minha língua a ser maltratada.

terça-feira, 12 de abril de 2011

Capitulo VI

Há alturas na vida em que é preciso virar a página, em que temos de esquecer, nem que seja por momentos alguma coisa.


Há alturas em que precisamos de seguir em frente, um novo caminho traçar.


Há alturas em que temos que fazer uma pausa para podermos continuar.


...em que temos que parar para pensar.


...em que a força falha, as pernas fraquejam.


...que parece que tudo acabou e queremos virar a página e começar um novo capítulo.


Há alturas em que deixamos a página em branco para mais tarde, não importa se quinze dias, um mês ou um ano, a completarmos com um final diferente.


Há alturas em que se vira a página e como alguém uma vez disse: "Pode vir outro alguém mas o 'Principe'...".

segunda-feira, 7 de março de 2011

Carnaval!!!

Weeeee....NOT!!!

Bem-vindos ao segundo dia mais estupido do ano!!!!!! (eu sei que é só amanhã, mas anda toda a gente excitada desde sexta)

Não, não sou contra o carnaval PORTUGUÊS, o carnaval das crianças mascaradas, dos desfiles das escolas primárias e dos infantários, dos cabeçudos e das matrafonas, da satira politica e social. SOU CONTRA O CARNAVAL BRASILEIRO!!!!!Fdx, ( blog é meu e se eu quiser dizer asneiras digo, tá bem???!!!!!)tamos em PORTUGAL, todos os anos é a mesma mer**, a mesma história, durante mais quantos anos é que vamos ter que aturar gajas cheias de celulite, com uma coisa minuscula a tapar os mamilos e quase com a Santa Pexenica à mostra???!!!!
Hello!!!!Que é feito da tradição portuguesa?Temos que gramar sempre com as mesmas coisas, com as coisas dos outros.Mostrem aos TURISTAS O QUE É PORTUGUÊS E NÃO O QUE É ESTRANGEIRO!!!!!

E já agora pelo amor de tudo o que é sagrado, ñ andem mascarados na rua a não ser que vão para um desfile ou para uma festa, é tipo....ridiculo. A unica excepção a esta "regra" são as crianças.

Capitulo V

Matilde não sabe o que pensar, nem o que fazer.
Olhar para o lado?Não está lá ninguém. Para o outro?Talvez...

O que sabe é que Tiago continua distante e a cada dia que passa a certeza que há alguém por detrás disto aumenta. Alguém que tem sempre que dizer "Eu estou aqui", alguém que tem sempre que se fazer notar. Alguém que ela sente que não é confiavel, alguém que um dia vai desaparecer e aí Tiago vai perceber. Mas depois, nessa altura pode ser tarde demais...

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

"Geração à rasca"

Será que estamos na idade da geração à rasca? Ou será que é mais do povo à rasca?

Os nossos pais vão ter que trabalhar até não terem mais forças, para depois terem uma "reforma" que não dá nem para pagar os medicamentos quanto mais as contas e para comer.

Já nós...o que vamos ter?O certo era trabalhar e poupar (yeah right!), porque reforma quando chegarmos a velhos (os que lá chegarem) não vamos ter. Ora bem,poupar...humm...pois...como? Estamos 3/5 anos a estudar para acabarmos numa caixa de supermercado ou num call-center. Emprego na nossa area? Bem...quase impossivel. Manda-se curriculos: "Ah e tal, tem um bom curriculo escolar, uma grande média. Mas e experiência?" Qual experiência se não nos dão o primeiro emprego? Para termos experiência é preciso que alguém nos dê o primeiro emprego.

A nossa geração pode estar à rasca, mas mais à rasca vamos ficar se não lutarmos pelo nosso futuro e se não agarrarmos a primeira coisa que nos aparecer pela frente...nem que isso signifique "largar as saias da mãe".